Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr

topo livro_politicas_incent_inov_tecn_brasil

TD 1747 - Desindustrialização: Luzes e Sombras no Debate Brasileiro
Gabriel Coelho Squeff / Brasília, junho de 2012 

Este texto discute a hipótese de desindustrialização brasileira a partir de indicadores não encontrados usualmente na literatura sobre o tema. A avaliação foi feita com base na estrutura e dinâmica da indústria de transformação vis-à-vis o restante da economia e, adicionalmente, sob a ótica intraindustrial a partir da classificação das atividades econômicas segundo intensidade tecnológica da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Ambos os métodos permitiram discutir este tema sob uma perspectiva mais ampla e acurada, identificando-se dados que corroboram e contrariam a hipótese de que o Brasil está passando por um processo de desindustrialização de sentido pejorativo. Palavras-chave: desindustrialização; setor manufatureiro; intensidade tecnológica.

This paper discusses the de-industrialization hypothesis in Brazil based on indicators usually not found in the literature. The evaluation was based on the structure and dynamics of the manufacturing sector vis-à-vis the rest of the economy and, in addition, from an intra-industrial standpoint using OCDE`s classification of technological intensity. Both methods allowed us to discuss this subject broadly and accurately, identifying data that support and contradict the hypothesis that Brazil is suffering a de-industrialization process in the negative sense. Key words: de-industrialization; manufacturing; technological intensity.


 acesse  Acesse o documento (1.31KB)       

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea