Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo livro_politicas_incent_inov_tecn_brasil

TD 1819 - Heterogeneidade Estrutural na Produção Agropecuária: Uma Comparação da Produtividade Total dos Fatores no Brasil e nos Estados Unidos

Armando Fornazier e José Eustáquio Ribeiro Vieira Filho / Brasília, março de 2013

A agricultura brasileira passou por um processo de transformação nas últimas décadas, distinguindo-se na produção agrícola mundial tanto no nível de produção quanto no de produtividade. Os Estados Unidos configuram-se como destaque na agropecuária mundial, por isso são referência para muitos países. Este trabalho busca comparar a heterogeneidade estrutural (HE) no setor agropecuário entre o Brasil e os Estados Unidos, analisando o comportamento da lacuna no decorrer do tempo. Para isto, recorrese principalmente às diferenças na produtividade total dos fatores (PTF). Verificou-se que em ambos os países a PTF apresentou crescimento, principalmente por meio da incorporação de tecnologias que poupam mão de obra e de uma melhor utilização de insumos. O Brasil está diminuindo a lacuna (gap). Porém, o processo de modernização da agricultura dos Estados Unidos é anterior ao do Brasil. Assim, o Brasil, mesmo diminuindo a diferença, não está próximo do índice de produtividade dos Estados Unidos, pois a estrutura produtiva é particular em cada um dos casos. As diferenças de produtividade, além de ocorrerem entre países, também se verificam no próprio país, e fatores como o clima, a tecnologia e o aprendizado no processo produtivo influenciam nestas disparidades. Em ambos os países houve melhoria da eficiência na utilização dos recursos. O aumento da PTF pode significar produzir mais com menos insumo.

Palavras-chave: produtividade; tecnologia; modernização; crescimento.

Brazilian agriculture has undergone a process of transformation in recent decades, being featured on the world agricultural production at both the production and productivity. The United States are characterized as highlighted in the agricultural world,therefore, is a reference for comparison to many countries. This study aims to compare the structural heterogeneity (HE) in the agricultural sector between Brazil and the United States by analyzing the behavior of the gap over time. To this refers mainly to differences in Total Factor Productivity (TFP). Found that in both countries had higher TFP developments especially with the incorporation of technologies that save i. As versões em língua inglesa das sinopses desta coleção não são objeto de revisão pelo Editorial do Ipea. The versions in English of the abstracts of this series have not been edited by Ipea’s publishing department. manpower and better utilization. Brazil is reducing the gap, but the process of modernization of agriculture in the United States is older than Brazil, and even closing the gap, does not mean that Brazil is close to the rate of U.S. productivity, because the productive structure is particular in each case. The differences in productivity between countries occur beyond, also occur within the country, and factor such as climate,technology and learning in the production process in influencing disparities. In both countries there was a better use of resources, which was achieved with less input a high yield, thus increasing the TFP.

Keywords: productivity; technology; modernization; growth.


 
acesseAcesse o documento (566KB)       

Surplus Labor and Industrialization</strong


 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea