Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
22/04/2014 12:25
topo livro_politicas_incent_inov_tecn_brasil

TD 1945 - Trabalho Associativo, Identidades Territoriais e Desenvolvimento Sustentável: O Caso da Associação de Apicultores da Região do Alto Turi Maranhense

Sandro Pereira Silva / Rio de Janeiro, março de 2014

Este trabalho de investigação teve como objetivo principal analisar os mecanismos de organização social e ação coletiva em torno de projetos associativos de economia solidária e desenvolvimento territorial. Para isso, o elemento empírico de análise foi a Associação de Apicultores da Região do Alto Turi Maranhense (Turimel), formada em 2008 por um grupo de famílias agricultoras que residem em uma região de colonização estatal com origem na década de 1960 e que até hoje permanece com sérios problemas quanto a infraestrutura, serviços públicos e direitos de propriedade. O enfrentamento das dificuldades e a viabilização desse projeto coletivo resultaram no reconhecimento institucional da Turimel e o empoderamento sociopolítico das famílias envolvidas, além da melhoria de sua qualidade de vida. Mais que um empreendimento econômico, a apicultura de base associativa foi um forte elemento de re-territorialização na região do Alto Turi, uma vez que possibilitou um ambiente de novas perspectivas de inserção produtiva para suapopulação rural, ao mesmo tempo em que abriu outros campos de disputa provenientes de uma nova dinâmica econômica de mercado.


This research aimed to analyze the mechanisms of social organization and collective action around projects associative of solidarity economy and territorial development. For this, the empirical element analysis will be the Beekeepers Association of the Region of Alto Turi Maranhense (Turimel), formed in 2008 by a group of farming families who reside in a state with a region of origin in the 1960s, but until today remains serious problems regarding infrastructure, public services and property rights. Dealing with the difficulties and feasibility of this collective project resulted in the institutional recognition of Turimel and empowerment of the families involved, as well as improving their quality of life. More than an economic enterprise, the beekeeping associative was a strong element of re-territorialization in the Alto Turi, since it allowed an environment of new prospects for productive insertion its rural population, while it opened other fields dispute from a new economic dynamic market.

 

acesseAcesse o sumário executivoacesseAcesse o documento (584 KB)



 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea