Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td

TD 2070 - Determinantes da Taxa de Poupança Das Famílias Brasileiras: Evidência Microeconômica com as POFS 2002-2003 e 2008-2009

Marcos Antonio Coutinho da Silveira e Ajax Reynaldo Bello Moreira / Brasília, março de 2015


Com dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares de 2002-2003 e 2008-2009, o trabalho investiga os determinantes demográficos e socioeconômicos da taxa de poupança das famílias brasileiras no passado recente. Os principais resultados são consistentes com as predições da teoria do ciclo da vida/renda permanente, adequadamente estendido para incorporar aspectos institucionais e estruturais da atualidade econômica brasileira, tais como restrições de crédito, principalmente para as camadas mais pobres da população, esquemas abrangentes de aposentadoria pública e transferências governamentais. Fica evidente a importância do ciclo da vida e dos choques transitórios na renda corrente para explicar as flutuações na taxa de poupança. Também são encontradas evidências para a existência de poupança por motivo precaução. Testes de heterogeneidade não apontam diferenças significativas nos efeitos das variáveis explicativas quando a amostra é segmentada por POF ou nível de escolaridade.

Palavras-chave: taxa de poupança; famílias.

With data from the Household Budget Survey of 2008-2009, the study investigates the demographic and socioeconomic determinants of saving rate of Brazilian families in the recent past. The main results are consistent with the predictions of the theory of life / permanent income cycle, properly extended to incorporate institutional and structural aspects of Brazilian economic relevance such as credit restrictions, particularly for the poorest sections of the population, comprehensive public retirement schemes and government transfers. It is evident the importance of the life cycle and transitory shocks in current income in explaining fluctuations in the saving rate. Evidence for the existence of precautionary savings due are also found. Heterogeneity tests did not indicate significant differences in the effects of the explanatory variables when the sample is segmented by POF or education level.

Keywords: saving rate; households.

 

acesseAcesse o sumário executivoacesseAcesse o documento (500 KB) 

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea