Twitter
Youtube
facebook
Google +
Google +

 

01/02/2018 14:38

O que o deficit da previdência significa para a população em geral?

O pesquisador do Ipea Luis Henrique Paiva explica o impacto na vida dos mais pobres e defende uma reforma tributária

“Foi anunciado recentemente um deficit de 270 bilhões. O deficit é uma medida relativamente importante para a previdência social, porque não é coberto com impostos ou contribuições à previdência. Ele é financiado por impostos gerais, e os impostos gerais brasileiros são basicamente compostos por impostos indiretos, que são pagos pela população mais pobre, desproporcionalmente mais do que pela população mais rica. Então, impostos gerais, que são baseados em consumo, estão financiando um grande deficit previdenciário. Eles são desproporcionalmente mais pagos por uma população mais pobre que sequer tem acesso à previdência", explicou o pesquisador do Ipea Luis Henrique Paiva.

Ele alerta que a despesa com previdência ainda deve subir nos próximos 45 anos e aumentar o gasto do PIB em 10 pontos percentuais. Para reverter essa situação e diminuir o deficit da previdência - financiada por impostos gerais, o especialista defende que é necessário haver uma reforma tributária. "O que nós deixamos para as futuras gerações é um país inviável, com uma carga tributária altíssima muito maior do que grande parte dos países ricos".

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea