Twitter
Youtube
facebook
LinkedIn
Google +

 

noticias
23/02/2018 14:23

Matriz de Insumo-Produto Sul-americana

 

Criada a partir de projeto da Dinte/Ipea em parceria a Cepal, com apoio da ADBI, BID e CAF, a Matriz de Insumo-Produto Sul-americana é formada por 40 setores, sendo 35 de bens e cinco de serviços. Os dados se referem a 2005, último ano para o qual foi possível homogeneizar os dados para os 10 países.

A Matriz Sul-americana é instrumento importante de melhoria na análise da integração produtiva sul-americana, facilitando a compreensão desse processo e a identificação de problemas que podem ser resolvidos por meio de reformulação de políticas públicas voltados à integração da região.

Decomposição do valor adicionado total, por país

Matriz de Insumo-Produto Sul-americana

 

Matrizes de Insumo-Produto dos países (Planilhas em Excel):

Matriz da Argentina (em espanhol)

Matriz da Bolívia (em espanhol)

Matriz do Brasil (em espanhol)

Matriz do Chile (em espanhol)

Matriz da Colômbia (em espanhol)

Matriz do Equador (em espanhol)

Matriz do Paraguai (em espanhol)

Matriz do Peru (em espanhol)

Matriz do Uruguai (em espanhol)

Matriz da Venezuela (em espanhol)

Matriz Sul-americana (em espanhol)

 

Outros links sobre o tema:

Vídeo: Confira a entrevista com o presidente do Ipea, Ernesto Lozardo, sobre a Matriz de Insumo-Produto da América do Sul

Estudo aponta o Brasil como a economia regional mais fechada

Demanda por bens no Brasil gera 145 mil empregos na Argentina

Acesse o documento "La Matriz de Insumo-Producto de América del Sur" (em espanhol)

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea