Twitter
Youtube
facebook
LinkedIn
Google +

 

08/06/2018 09:16

Atlas da Violência mostra evolução dos homicídios entre 2006 e 2016

Jovens negros com baixa escolaridade são as maiores vítimas, segundo a publicação do Ipea em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública

 

 

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública lançaram o Atlas da Violência 2018, que traz uma radiografia dos homicídios por regiões e Unidades da Federação entre 2006 e 2016. O Atlas registra a marca de 553 mil assassinatos de pessoas no Brasil nesse período.

Apenas em 2016, 62.517 pessoas perderam suas vidas devido à violência. O perfil das vítimas, segundo o pesquisador do Ipea e organizador do Atlas, Daniel Cerqueira, continua o mesmo. “71% dos que morrem são negros, pretos ou pardos. Jovens de 15 a 29 anos e com baixa escolaridade”, destacou.

Confira o Atlas da Violência 2018.

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea