Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
29/07/2019 18:21
td-banner

TD 2490 - Transformações Recentes da Indústria no Sudeste: evidências da dinâmica produtiva e territorial entre 1996 e 2015

Raphael de Oliveira Silva, Rio de Janeiro, julho de 2019

 

Este estudo tem o intuito de investigar as transformações na atividade industrial em três estados da região Sudeste (São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais), o núcleo significativo da indústria brasileira, entre 1996 e 2015, com ênfase na mudança estrutural e na reorganização territorial. Por meio da estatística descritiva de um conjunto de indicadores, segundo o fator competitivo predominante da atividade industrial, foi possível constatar que, em linhas gerais, a região não apresentou retrocesso na atividade industrial, uma vez que não houve queda, em termos absolutos, da produção e/ou do emprego industrial. No entanto, as baixas taxas de crescimento da indústria na região; a mudança estrutural com a ampliação da indústria tradicional, em detrimento da indústria intensiva em escala; e a redução do adensamento produtivo – com exceção das atividades baseadas em recursos naturais –, sinalizam aspectos nocivos da sua dinâmica. No âmbito territorial, há continuidade da desconcentração em todas as categorias setoriais analisadas, mesmo num contexto de semiestagnação da indústria.

Palavras-chave: desenvolvimento regional; mudança estrutural; desconcentração regional.

The present study aims to investigate the transformations in industrial activity in three states of the Southeast region (São Paulo, Rio de Janeiro and Minas Gerais), the significant nucleus of Brazilian industry, between 1996 and 2015, with a focus on change structural and territorial reorganization. By means of the descriptive statistics of a set of indicators, according to the predominant competitive factor of the industrial activity, it was possible to verify that, in general lines, the region did not show retrocession in the industrial activity, since, there was no decrease in absolute terms of the production and/or industrial employment. But, the low growth rates of the industry in the region; structural change with the expansion of traditional industry, to the detriment of the scale-intensive industry; and the reduction of productive densities – with the exception of activities based on natural resources – signalize harmful aspects of their dynamics. Within the territorial scope, deconcentration is notorious in all sectoral categories analyzed, even in a context of semi-stagnation of industry.

Keywords: regional development; structural change; regional deconcentration.

 

  acesseAcesse o sumário executivo  acesseAcesse o documento (5 MB)

 

 

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea