Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td_antigos

TD 0423 - Política de Importação no Plano Real e a Estrutura de Proteção Efetiva

Honorio Kume / Rio de Janeiro, maio de 1996

No Plano Real, o instrumento tarifário foi utilizado intensamente como mecanismo para disciplinar os preços domésticos via aumento da competição externa. A liberalização das importações atingiu o ápice em setembro de 1994, quando ocorreu uma conjugação de três fatores: a sobrevalorização do real frente ao dólar, a antecipação em três meses da tarifa externa comum do Mercosul e as reduções tarifárias efetuadas para pressionar os preços domésticos. O objetivo deste trabalho é descrever as modificações nas tarifas aduaneiras efetuadas desde a implementação do Plano Real e medir as mudanças provocadas nas estruturas de proteção nominal e efetiva.

 

acesseAcesse o documento (1.15 Mb)         

 

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea