Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td_antigos

TD 0476 - O Setor de Bens de Eletrônicos de Consumo no Brasil: Uma Análise de seu Desempenho Recente e Perspectivas de Evolução Futura

Robson R. Gonçalves / Rio de Janeiro, abril de 1997

O objetivo central deste texto consiste em analisar a atual estrutura e a competitividade da indústria brasileira de eletrônicos de consumo. Dois fatos são destacados no contexto da evolução recente do setor: o crescimento dos níveis de produção e vendas desde o início do atual programa de estabilização, e o impacto da abertura comercial. A principal conclusão deste trabalho refere-se à grande capacidade do setor de adaptar-se à evolução do ambiente macroeconômico brasileiro desde o início da década de 90. Contrariamente a alguns dos diagnósticos formulados no início do processo de abertura, não se observou um processo radical de especialização, ao mesmo tempo em que o setor ampliou seu nível de integração com os fluxos internacionais de comércio e de tecnologia. O desempenho futuro da indústria depende crucialmente da difusão do consumo de eletrônicos através de um processo sustentado de crescimento que não resulte em uma tendência à concentração de renda.

 

acesseAcesse o documento (80.61 Kb)          

 

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea