Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td_antigos

TD 0717 - Trabalho a Domicílio: Novas Formas de Contratualidade

Lena Lavinas / Rio de janeiro, abril de 2000

Nossa intenção nesta pesquisa foi captar e analisar as distintas formas de flexibilização do assalariamento que vão surgindo, apoiando-se no trabalho a domicílio, em decorrência da pressão crescente por produtividade (redução dos custos, maior qualidade e inovação permanente). Para tal, servimo-nos de dois estudos de caso empíricos, um no Rio de Janeiro e outro em São José dos Pinhais (PR), tomando como exemplo empresas brasileiras, de micro e médio portes, em setores não-tradicionais (respectivamente, serviços de informática e indústria eletroeletrônica).

 

acesseAcesse o documento (221.89 Kb)     

 

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea