Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td_antigos

TD 0803 - Desigualdade de Rendimentos no Brasil nas Décadas de 80 e 90: Evolução e Principais Determinantes

Lauro Ramos e Maria Lucia Vieira / Rio de Janeiro, junho de 2001

O alto grau de desigualdade vigente na sociedade brasileira vem ocupando, cada vez mais, lugar de destaque na agenda sociopolítica do país, e a demanda por políticas públicas destinadas a diminuir as disparidades é também intensa e crescente. Este trabalho procura contribuir para a concepção de iniciativas dessa natureza através da identificação dos principais determinantes da assimetria da estrutura de rendimentos no mercado de trabalho. O resultado principal é que a heterogeneidade educacional junto com os diferenciais de remuneração associados à escolaridade são os principais responsáveis tanto para explicar a desigualdade de rendimentos quanto a sua elevação no período analisado. Embora em escala menor, elementos de discriminação e segmentação também se revelaram importantes.

 

acesseAcesse o documento (178.41 Kb)             


Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea