Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td_antigos

TD 1018 - Accounting for Brazil`s Growth Experience - 1940 - 2002

Edmar Lisboa Bacha e Regis Bonelli / Rio de Janeiro, maio de 2004

O trabalho contém uma avaliação quantitativa da experiência brasileira decrescimento no longo prazo, cobrindo o período 1940-2002. A análise mostra que odesempenho da poupança, por si só, não explica a redução das taxas de crescimentodepois de 1980. Nossa explicação para esse fenômeno está baseada na evolução darelação produto-capital e nas mudanças dos preços relativos dos bens deinvestimento. A redução do grau de utilização da capacidade instalada também ajudaa explicar o medíocre desempenho brasileiro desde 1980. Um conjunto dedecomposições do crescimento do estoque de capital e do PIB segundo períodosselecionados destaca quais foram os fatores responsáveis pelo crescimento brasileironesses períodos.

This paper is devoted to a quantitative assessment of Brazil?s long-term growthexperience. The analysis herein shows that savings alone do not explain the growthslump after 1980. Our explanation centers on the evolution of the output-capitalratio and on changes in the relative price of investment goods. A lower degree ofcapacity utilization also helps to elucidate Brazil?s mediocre growth performance since1980. Decadal decompositions of capital stock and GDP growth highlight the factorsaccounting for Brazil?s growth in particular sub-periods.

 

acesseAcesse o documento (1.32 Mb)             


Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea