Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td_antigos

TD 1292 - Envelhecimento, Pobreza e Proteção Social na América Latina

Ana Amélia Camarano e Maria Tereza Pasinato / Rio de Janeiro, julho de 2007

Espera-se que nos próximos 40 anos a população idosa da América Latina continue a crescer dada a alta fecundidade do passado e a perspectiva da continuação da redução da mortalidade da população em idade avançada. Por outro lado, essa perspectiva é acompanhada de incerteza quanto às condições de renda, que experimentarão os longevos. O objetivo do trabalho é analisar as condições de geração de renda dos idosos latino-americanos e procurar inferir sobre as perspectivas futuras. Foram selecionados seis países da região: Argentina, Brasil, Bolívia, Costa Rica, México e Peru, de acordo com o seu grau de envelhecimento. Assume-se que as principais fontes de renda da população idosa são a seguridade social e o trabalho. O quadro traçado mostrou a importância dos benefícios sociais na renda dos idosos dos países estudados e seu impacto na redução da sua pobreza e de suas famílias. As perspectivas que se colocam para a geração de renda para os idosos do futuro não são promissoras. As transformações no mercado de trabalho têm resultado em uma forte redução da proporção da população economicamente ativa (PEA) que contribui para a previdência social. Parece claro, portanto, que as tradicionais maneiras de financiar o sistema não serão suficientes para atender a uma demanda crescente por benefícios previdenciários nesse contexto de diminuição da oferta de contribuintes.

Latin America elderly population is expected to keep quickly growing in the next 40 years given to the high fertility rates in the past and the continuous reduction of mortality of the elderly population. This perspective is followed by some incertainty about capability of income generation by old people. The main objective of the paper is to analyze the process of income generation by this people and speculate about their future perspectives. Six countries of the region were selected: Argentina, Brazil, Bolivia, Costa Rica, Mexico and Peru. It is assumed that the main sources of income of elderly population are the Social Security System and the labor market. The importance of the social security benefits on elderly and their families income was described. Perspectives of income generation for future elderly are not promising. Transformations in labour market have resulted in a strong reduction of the proportion of the population active that contributes for social security. It seems, therefore, that the traditional ways to finance the system will not be enough to take care of an increasing demand for social benefits in this context of reduction of contributors.



acesseAcesse o documento (1.42 Mb)          

   

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea