Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td_antigos

TD 1342 - Administração e Sustentabilidade da Dívida Pública no Brasil: Uma Análise para o Período 1995-2007

Mário Jorge Mendonça, Manuel Carlos de Castro Pires e Luiz Alberto Medrano / Rio de Janeiro, julho de 2008

Este artigo tem por objetivo avaliar como a administração da dívida pública no Brasil afetou a sua sustentabilidade no período 1996-2007. A partir de 2003 o gerenciamento da dívida brasileira buscou alterar a combinação entre custo e risco,privilegiando o primeiro. Ao utilizar modelos Markov-Switching para captar esta mudança de comportamento em sua administração, projeta-se a dívida pública a partir de simulações de Monte Carlo. Os resultados indicam que a dívida pública brasileira pode ser considerada sustentável no médio prazo.

This paper aims to evaluate how public debt management in Brazil has affected its sustainability in the 1996-2007 period. In 2003 Brazilian public debt management changed the trade off between cost minimization and risk minimization emphasizing the first element. Using a Markov-Switching model in order to model this policy change we access fiscal sustainability with Monte Carlo simulations. The results show that Brazilian public debt is sustainable in the medium run.



acesseAcesse o documento (1.22 Mb)          

   

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea